Quando falamos em Vintage Jazz, ou Vernacular/Authentic Jazz, referimo-nos ao Jazz das décadas de 1920 a 1940, e não ao Jazz contemporâneo.

O Vintage Jazz, ou Vernacular Jazz, tem origem cultural nas primeiras comunidades africanas nos Estados Unidos, com uma linguagem rica em movimentos das diversas danças dos escravos.

O Vintage Jazz enfatiza o ritmo e os movimentos baixos, utilizando principalmente as pernas, particularmente no solo Charleston. Isso não significa que a parte superior do corpo seja desvalorizada. Esta modalidade tem movimentos até muito rítmicos, influenciados pelo sapateado. Alguns dos movimentos são bastante naturais e outros imitam acções quotidianas dos escravos. O corpo tinha liberdade para se expressar em movimentos e ângulos que não eram comuns nas danças europeias, permitindo muito improviso por parte do dançarino.

Hoje em dia, Vernacular Jazz é considerado uma parcela importante do Lindy Hop, pois partilham a mesma génese e expressam o mesmo tipo de música.

Novas Turmas

Abertura de novas turmas nestas datas:
27 de Março, 2a-feira, 20:00 – 21:20

Níveis Evolutivos

O percurso de níveis para aprender a dançar Vintage Jazz!